Facebook
  RSS
  Whatsapp

  19:40

Jovem que estava grávida de quíntuplos no (RJ) perde os bebês

 Imagem que mostrava a gestação dos quíntuplos - Foto: Reprodução/ TV Globo

Nesta quinta-feira (30), Sara Campos da Silva, de 18 anos, se submeteu a uma ultrassonografia que poderia esclarecer se havia um 6º neném no ventre da jovem mãe — já que o 1º exame foi interrompido, tamanha a emoção da família. A jovem da Baixada Fluminense que descobriu na semana passada estar grávida de quíntuplos perdeu os bebês.

O g1 foi acompanhar a consulta, em uma clínica em Nilópolis, na Baixada Fluminense, e soube que Sara sofreu um aborto espontâneo, com 8 semanas de gestação.

“Era uma gravidez de altíssimo risco. Uma gravidez de 2 bebês já é muito complicada. De 5, mais ainda”, afirmou o médico Rogério Gama, que conduziu a ultra. O pai de Sara, Josafar da Silva, disse que a filha ficou muito abalada e que a prioridade, agora, é cuidar da família.

“Eu, como avô, não estava acreditando que tinha 5. Esperei para confirmar. É difícil para a família, mas ela vai se cuidar”, disse Josafar.

A gestação de Sara era raríssima. “Em média, 1 parto a cada 60 milhões é de quíntuplos em um saco gestacional só. Trata-se de uma gestação bastante complicada e tem que ser acompanhada por um serviço especializado”, afirmou Rogério Gama.

No fim da manhã, uma postagem no Instagram de Sara confirmou o aborto. “Nesse momento delicado, viemos por meio desta nota informar que infelizmente a Sara perdeu os quíntuplos, peço encarecidamente a compreensão de todos, e que não veiculem fake news, Sara está em momento delicado, então, por gentileza, pedimos a compreensão de todos”, afirmou a família.

A jovem Sara e o namorado. Ela confirmou nas redes sociais que passou por um aborto. — Foto: Reprodução/ Instagram

​​​​​

Descobrimento da gravidez 

Uma jovem de Nilópolis, na Baixada Fluminense, descobriu que está grávida de quíntuplos. A estudante Sara Campos da Silva, de 18 anos, chegou a passar mal durante o exame de ultrassom que mostrou que ela está esperando cinco filhos.

Médico: Está vendo aqui? É outro coração.

Mãe de Sara: É mesmo? Meu Deus, dois....

Médico: Sério. Isso se não forem três, estou achando que são três.

Sara: Não moço, não.

Médico: Três, quatro

Sara: Está me dando falta de ar, mãe.

“Quando o médico falou que eram dois corações batendo, eu saí da sala. Quando voltei, o médico disse que tinha cinco. Aí que saí da sala mesmo e comecei a chorar, passar mal, minha pressão foi lá em cima”, disse Renan Alves de Oliveira, namorado de Sara.

A avó das crianças também ficou nervosa. “Na hora que eu estava gravando, eu estava feliz sim, mas meu sorriso foi de nervoso. Vocês não têm noção do quanto eu estava nervosa naquela hora”, afirmou Claudia Maria Campos da Silva, mãe de Sara.

A genética explica 

A genética da família do pai ajuda a explicar a gestação natural de cinco bebês. Regiane e Renata, irmãs de Renan, são mães de gêmeos. Assim como uma prima e um tio do rapaz, que também tiveram dois filhos de uma vez. Mas, mesmo assim, uma gestação de quíntuplos é raríssima.

“Trata-se de uma gestação extremamente rara, em média um parto a cada 60 milhões são de quíntuplos em um saco gestacional só. Trata-se de uma gestação bastante complicada e tem que ser acompanhada por um serviço especializado”, afirmou o obstetra Rogério Gama.

 

 

 

 

Fonte:G1

Mais de Brasil