Curta a nossa página
 
11/09 17h18 2020 Você está aqui: Home / Jatobá do Piauí Da Redação/Jatobá do Piauí Imprimir postagem

Jatobá do Piauí

Da Redação/Jatobá do Piauí

campomaioremfoco@hotmail.com

Você está aqui: Home / Da Redação/Jatobá do Piauí - com Jatobá do Piauí

Pré-candidatos são investigados por perfurar poço tubular para eleitor em Jatobá do Piauí

A campanha eleitoral nem começou oficialmente e o Ministério Publico eleitoral, através da 7ª Zona Eleitoral de Campo Maior já abriu uma investigação de abuso de poder econômico de políticos na cidade de Jatobá do Piauí. A denúncia é de perfuração de poços tubulares em troca de apoio político.

O Procedimento aberto pelo Ministério Público não diz quem é o político que estaria abusando do poder econômico, mas imagens, as quais o Em Foco teve acesso, mostram máquinas perfuntando poços em pelo menos duas comunidades conhecidas do município. O que deve ser difícil saber quem mandou perfurar os poços. 

A Portaira Nº 08/2020 assinada pelo Promotor de Justiça Eleitoral, Marcondes Pereira de Oliveira, diz que a democracia pressupõe liberdade e autonomia do eleitor na escolha de seus candidatos, e que o abuso do poder econômico e do poder político, constituem expedientes que atentam contra a isonomia de oportunidades dos candidatos e contra a liberdade de escolha dos eleitores, afetando a normalidade e a legitimidade das eleições;

Diz ainda que o Ministério Público vai atuar na defesa do regime democrático e da lisura do pleito eleitoral, trabalhando de forma preventivamente, contribuindo para que se evitem os atos viciosos das eleições - como os aqui indicados - e se produzam resultados eleitorais legítimos.

ELEIÇÕES ACIRRADAS E VIOLENTAS

O município de Jatobá do Piauí vem registrando pleitos acirrados e violentos nos últimos anos. Na eleição municipal de 2012, dois dias antes do pleito, uma ação conjunta das Polícias Civil, Militar e Federal, prenderam um candidato a vereador com uma pistola.

Na pleito de 2015, um homem que seguia de Campo Maior para Jatobá foi preso com arma de fogo na véspera da eleição. No mesmo pleito, um dia antes, o então prefeito Dalberto Rocha, candidato a reeleição, sofreu tentativa de homicídio por parte de um o adversário. O homem ficou vários meses presos e já este ano foi absorvido no processo.

Desde 2012 é comum candidatos e eleitores trocarem ofensas e na virada do dia da eleição ficarem a noite acordados seguindo candidatos adversários. Foi justamente em uma ação como essa, em 2012, que o então Promotor eleitoral de Campo Maior, Claudio Bastos foi chamado ao município e, ao chegar em um determinado local da rodovia se deparou com um grupo de políticos e simpatizantes. Lá, ele percebeu quando um candidato tentava se desfazer de uma pistola e deu voz de prisão ao mesmo.


  Tags:

Comentários

Atenção! Os comentários são de responsabilidade exclusiva de seus autores e não representam a opinião desta página, se achar algo que viole os termos de uso, denuncie.