Curta a nossa página
 
23/06 22h04 2016 Você está aqui: Home / Cidades Da Redação. campomaioremfoco@hotmail.com Imprimir postagem

Governo vai liberar 120 mil reais para festival junino em Jatobá do Piauí e Sigefredo Pacheco

Conta no Portal da Transparência, do governo do estado, publicação sobre 120 mil reais para patrocinar eventos juninos em Jatobá do Piauí e Sigefredo Pacheco.

As folias juninas acontecem em todo o nordeste brasileiro e, em alguns casos, tem levantado suspeita quando aos investimentos públicos. Ontem, por exemplo, a mídia nacional divulgou a briga judicial da prefeitura de Caruarú-PE, que pretende pagar um cachê de R$ 275 mil reais ao cantor Weslley Safadão. Em nota, a prefeitura chegou a dizer que a não realização do show causaria danos irreparáveis ao município.

 

Aqui pelo Piauí, o governo do estado anunciou uma série de cortes de gastos, incluindo gratificações e novas contratações, reajustes de salários e diárias, para, segundo o governo, reduzir despesas, pois já ultrapassou o limite de 46,17%, exigido pela Lei de Responsabilidade Fiscal (LRF).

 

Conta, porém, no Portal da Transparência, do próprio governo do Piauí, a publicação de um convênio (sem numeração) destinando R$ 120.000,00 (cento e vinte mil reais), através da Secretaria de Estado de Cultura, para o objeto "realização de atividades juninas nos municípios de Jatobá do Piauí e Sigefredo Pacheco". O início do convenio é datado de 25/06/2016. O proponente, ou seja, quem vai receber o montante, é a Associação Firmino Lacerda.

 

 

O problema maior é que nestas cidades, segundo as assessorias de imprensas, ouvidas pelo Em Foco, não acontecerá eventos patrocinados pelo governo do estado. “O município não realizará festival e sabemos apenas de uma escola da rede estadual vai fazer uma apresentação da própria escola”, disse a assessoria da prefeitura de Sigefredo Pacheco. “O município vai realizar seu 20º Festival, com escolas do município, mas não tem nenhum convênio”, diz a assessoria da prefeitura de Jatobá do Piauí. “O que se sabe na cidade é que uma pessoa vai realizar um festival em um local particular e que este festival teria uma emenda parlamentar do deputado Georgiano Neto. Pode ser isso” completa a nota de Jatobá.

 

OS LADOS

Depois de dois dias tentando, conseguimos falar com Marisa, assessora da Secretaria de Cultura do Piauí. Ela pediu um momento para ver os eventos programados. Depois de alguns minutos a ligação caiu e até a postagem desta matéria não conseguimos retomar o contato.

 

Tentamos falar também com a assessoria do deputado estadual Georgiano Neto, pelo telefone final 4674, mas as ligações não foram atendidas. 

 

Os espaço fica aberto para ambos.


  Tags:

sem tags

Comentários

Atenção! Os comentários são de responsabilidade exclusiva de seus autores e não representam a opinião desta página, se achar algo que viole os termos de uso, denuncie.