Facebook
  RSS
  Whatsapp

  08:29

Mulheres protestam e pedem justiça após feminicídio em Altos (PI)

 

Na manhã desta sexta-feira (10), um grupo de mulheres realizou uma Caminhada contra o Feminicídio pela cidade de Altos, Piauí. O evento está sendo realizado em memória Helioene Viana,  morta a facadas pelo ex-companheiro, em 3 de maio, e como forma de protesto pedindo justiça pelo assassinato  e por todas as outras mulheres que foram vítimas desse crime hediondo.

Saiba mais: Homem incendeia casa, mata ex-esposa e tenta suicídio em Altos (PI); duas pessoas ficaram feridas

Homem que incendiou casa em Altos (PI) têm prisão decretada, estado de saúde é crítico; vítimas seguem internadas

O evento "Altos por Elas", tem como propósito clamar por justiça e paz na comunidade, contando com a participação de familiares e amigos da vítima e da sociedade e contou com a participação de defensoras populares, estudantes da rede estadual de educação e representantes da Secretaria das Mulheres. 

“No dia 3 de maio, perdemos mais uma mulher para essa intolerância e violência. Estamos aqui, enquanto Secretaria de Mulheres, para dizermos que somos contra todo tipo de violência e contra o feminicídio”, pontua a assessora especial do Governo, Nayara Costa. Segundo ela, é essencial que a sociedade reconheça o direito das mulheres de viverem com dignidade e segurança.

As mulheres que participaram do ato levaram cartazes com palavras de ordem contra o feminicídio e a violência de gênero. “Não é não”, “parem de nos matar” e “sua voz jamais deixará de ser ouvida” foram algumas das falas das manifestantes.

A presidente da Comissão da Mulher Advogada da OAB-PI, Beatriz de Sousa, destacou a necessidade do Estado reconheçer a presença e as demandas das mulheres, especialmente em um contexto de manifestação contra o feminicídio.

“Que mais políticas públicas sejam criadas, porque é triste imaginar que nós vivemos essa epidemia da violência contra a mulher nos tempos de hoje, apesar de décadas e décadas do movimento feminista estar lutando e denunciado a situação de violência que as mulheres vivenciam no país”, explica.

No momento final do ato, houve ainda uma série de homenagens a Helioene de Andrade, como uma peça teatral encenada por estudantes e a soltura de balões em frente ao Fórum de Altos. 

​​Corrida contra o Feminicídio 

No dia 26 de maio, Teresina sediará a Corrida contra o Feminicídio, um evento dedicado à conscientização e mobilização em memória das vítimas de feminicídio. Essa iniciativa destaca a importância de reconhecer o direito das mulheres à vida. A ação se estende por todo o estado, com diversos municípios realizando atividades simultâneas ou em datas distintas, todas voltadas para o combate ao feminicídio.

Com informações do G1

Mais de Altos - PI