Facebook
  RSS
  Whatsapp

  18:02

Caso Samynha: suspeito de envolvimento na morte da blogueira é preso

 Vítima e o preso Pedro Teixeira Soares Neto

A polícia prendeu, nesta quarta-feira (3), Pedro Neto Teixeira, de 28 anos. Ele é suspeito de estar com um dos carros usados para dar apoio à morte da blogueira Samynha Silva, em outubro de 2023. Em fevereiro deste ano, quatro pessoas foram indiciadas pela morte da jovem e, na época, a polícia anunciou que investigava pessoas que participaram indiretamente do crime.

Samya Silva foi assassinada a tiros na Avenida João XXIII, Zona Leste de Teresina, no dia 1º de outubro do ano passado. A delegada Nathália Figueiredo, responsável pelo caso, informou que investiga em que circunstâncias o jovem estava com o veículo.

“As investigações apontaram que o veículo que teria dado apoio na morta da Samya teria passado por ele”, contou a delegada.

Pedro Teixeira foi preso na manhã de hoje tentando fugir em um carro. A Polícia Militar realizou uma curta perseguição e prendeu os dois. Além dele, um outro jovem, que não teve o nome divulgado, foi preso em flagrante com maconha.

Os envolvidos na morte de Samya

Os quatro suspeitos indiciados foram identificados como Raimunda Vitória, Israel, Davdy e Felipe. Eles foram indiciados por homicídio com três qualificadores: motivo torpe (o fato da vítima ser envolvida com uma facção criminosa rival), sem chance de defesa da vítima e perigo comum (porque os disparos foram realizados em via pública).

Suspeito de envolvimento na morte de Sâmya Silva, João Gabriel é considerado foragido

Além deles, um homem chamado Herbert, apontado como mandante do crime, faleceu após ser preso em janeiro de 2024.

Uma equipe do 21º BPM isolou o local e aguarda a chegada da perícia criminal e do Instituto Médico-Legal (IML) de Teresina. O caso será investigado pela Polícia Civil do Piauí (PCPI).

QUEM ERA SAMYNHA

Samya Silva, de 21 anos, é uma digital influencer de Teresina. Ela possui quase 50 mil seguidores no Instagram. Nas suas redes sociais, Samya postava informações sobre seu dia a dia e sobre jogos de aposta em roletas online, conhecido como "Jogo do Tigrinho".

Em agosto de 2023, um vídeo de Samya viralizou nas redes sociais de todo o país. Na imagem, ela comemorava os primeiros votos de ministro do Supremo Tribunal Federal a favor da descriminalização do porte de maconha para uso pessoal. Após sua morte, durante as investigações, a polícia encontrou maconha em seu apartamento

Recentemente, ela se envolveu em diversas polêmicas e discussões nas redes sociais. Horas antes de ser morta, publicou stories sobre uma briga que teve na noite anterior em uma festa. Ela chegou a postar um story em sua conta uma hora antes de ser assassinada.

Com informações do g1

Mais de Polícia