Curta a nossa página
 
19/04 19h50 2016 Você está aqui: Home / Jatobá do Piauí Da Redação/Jatobá do Piauí Imprimir postagem

Jatobá do Piauí

Da Redação/Jatobá do Piauí

campomaioremfoco@hotmail.com

Você está aqui: Home / Da Redação/Jatobá do Piauí - com Jatobá do Piauí

CASO FRANCÍLIO: polícia apresenta suspeitos de terem matado jatobaense em Altos-PI

Crime ocorreu em fevereiro e suspeitos foram apresentados nesta terça-feira. Segundo a Polícia Civil, suspeitos mataram vítima para roubar.

A Polícia Civil divulgou nesta terça-feira (19) a prisão de quatro pessoas e apreensão de uma adolescente envolvidos no assassinato do professor Francílio Eduvirges de Macêdo, encontrado morto em 09 de fevereiro deste ano na cidade de Altos. Francílio era natural de Jatobá do Piauí e morava em Altos. Segundo o delegado Humberto Mácola, dois homens e a adolescente mataram a vítima com golpes de pau para roubar um  celular, uma motocicleta, uma televisão e R$ 600.


“O professor estava em um bar com três dos suspeitos, dois homens e a menor, que foram até a casa da vítima, onde ocorreu relação sexual entre eles. Logo em seguida, os três amarram Francílio e desferiram vários golpes com um pedaço de pau no rosto da vítima, que morreu sem chance de defesa”, afirmou Mácola, que é da Delegacia de Homicídios.

 

Foto: Portalaltos

 

 

Além das três envolvidos diretamente com a morte de Francílio, os outros dois presos pela polícia são apontados como os receptores dos produtos roubados da vítima. “Os irmãos disseram que compraram a moto no valor de R$ 400. Nós conseguimos também que o aparelho celular da vitima já tinha sido vendido para um comerciante no Shopping da Cidade, que o vendeu para outra pessoa. Esse aparelho foi para Picos e voltou. Esse crime está elucidado, mas tem outras pessoas a serem ouvidas”, contou Humberto.

 

Os dois primeiros (irmãos), Wesley da Silva Matos, 20 anos, e Arlesson Alberto Silva Ferreira, 19 anos, seriam os receptadores dos produtos roubados da vítima (moto e TV). O de camisa azul e preta seriam os assassinos: Antonio Francisco Marques da Silva, 28 anos e Mailson Silva, 19 anos

 

O delegado relatou ainda que um dos suspeitos de crime vendeu a moto para os receptadores e com o dinheiro recebido deu entrada em uma moto legalizada. O fato teria despertado a curiosidade de alguns vizinhos, que o denunciaram para a Polícia. Humberto Mácola acredita que a morte não foi premeditada, mas que os criminosos teriam cometido o assassinato para não serem reconhecidos pela vítima.

 

Ele pretendia apenas roubar, mas chegando lá o mataram para não serem reconhecidos.

 


  Tags:

sem tags

Comentários

Atenção! Os comentários são de responsabilidade exclusiva de seus autores e não representam a opinião desta página, se achar algo que viole os termos de uso, denuncie.