Curta a nossa página
 
10/01 09h53 2021 Você está aqui: Home / Redação/Castelo do PI Redação/Castelo do PI Imprimir postagem

Redação/Castelo do PI

Redação/Castelo do PI

campomaioremfoco@hotmail.com

Você está aqui: Home / Redação/Castelo do PI - com Redação/Castelo do PI

Comerciante de Castelo do Piauí é assaltado, feito refém e liberado em Campo Maior

Um comerciante de Castelo do Piauí, identificado por João Liberalino da Silva, foi assaltado e feito refém na manhã deste domingo, por das 07:30h, no Bairro Francisco Trindade na cidade. Dois bandidos armados de revólver chegaram ao comércio em um pálio e, após cometer o assalto, fugiram e levaram a vítima como refém.

O major Etevaldo Alves, comandante do 15º BPM, disse ao Em Foco que os dois bandidos fugiram pela PI-115, no sentido à Campo Maior. Na Comunidade Bem Bom, o carro estourou um pneu e os criminosos abandonaram o carro e liberam a vítima, tomando outro carro de assalto.

 “Na Comunidade Bem Bom, eles abandonaram a vítima e o carro e tomaram de assalto outro veículo modelo Sandero, de um família que tomava café no local.

Os bandidos seguiram em fuga e, segundo Etevaldo, o Sandero foi abandonado na Comunidade Pedra de Fogo, já na BR-343, entre Campo Maior e Altos, trocando de carro mais uma vez. Lá, eles tomaram uma hillux de cor branca de assalto. O carro tem placa do Rio Grande do Norte.

“É muito provável que eles conheçam a região, pois eles cortaram caminho por alguma estrada vicinal. Eles não vieram pela rodovia, por que esquipes da polícia militar já faziam barreira no Povoado Alto do Meio e o carro não passou” disse Etevaldo.

Três equipes da Polícia Militar de Campo Maior estão em diligência e em contato com equipes de Teresina. Não se sabe quanto foi levado pelos bandidos.

A polícia civil foi até a Localidade Bem Bom para colher digitais e outras provas que possam levar a identificação da dupla.


  Tags:

Comentários

Atenção! Os comentários são de responsabilidade exclusiva de seus autores e não representam a opinião desta página, se achar algo que viole os termos de uso, denuncie.