Facebook
  RSS
  Whatsapp

  19:07

PRF realiza apreensão de mais de 55 kg de drogas no sul do Piauí

 

Na manhã do último domingo (24), a Polícia Rodoviária Federal (PRF), fez a maior apreensão de drogas realizado neste ano. A ação aconteceu em Gilbués no sul do Piauí .

Foram apreendidos 55 tabletes de entorpecentes com um peso total de 57,745 kg, aonde foram encontrados encontrados 36 tabletes de crack, totalizando 37,330 kg; 18 tabletes de cocaína, somando 19,390 kg, e 1 tablete de super maconha, com peso de 1,025 kg.

 Além das substâncias ilícitas, também foi confiscada uma Carteira Nacional de Habilitação (CNH) falsa, utilizada pelo autor do crime. 

A ação aconteceu durante uam abordagem a um veículo modelo Fiat Idea, o condutor do veículo, um homem de 51 anos, apresentou uma Carteira Nacional de Habilitação (CNH), no entanto, ao examinar a documentação, os policiais notaram algumas discrepâncias que levantou suspeitas imediatas.

O condutor demonstrou certo nervosismo e apresentou respostas confusas, aonde sempre que questionado, o condutor apresentava respostas contraditórias. Inicialmente, ele afirmou estar vindo de São Paulo, onde tinha visitado seu irmão, sem conseguir fornecer o nome deste. Posteriormente, afirmou que seu destino era Miguel Alves, no Piauí, porém, em seguida mudou sua versão e afirmou estar indo para Fortaleza, capital do Ceará.

 Aprofundando as investigações nos sistemas, os agentes encontraram um boletim de ocorrência por suspeita de uso de documento falso registrado em Canindé, no Ceará.

Diante das inconsistências e da suspeita em relação à documentação, os policiais decidiram realizar uma busca minuciosa no veículo, aonde ele foi conduzindo até a Delegacia de Gilbués. Durante o trajeto, novas contradições surgiram, aumentando ainda mais a desconfiança dos agentes.

Na delegacia, ao examinar o Número de Identificação Veicular (NIV) do veículo, os policiais encontraram indícios de manipulação recente no painel. Em seguida, uma inspeção mais detalhada revelou a presença das drogas.

Diante da descoberta das drogas e da confissão do condutor de que estava transportando os entorpecentes para Fortaleza, foi constatado que o mesmo utilizava um nome falso na CNH apresentada. Diante dos fatos expostos, os policiais deram voz de prisão ao infrator.

Além dos tabletes de drogas, foram apreendidos o veículo e a documentação falsa utilizada pelo infrator.

 

 

Mais de Polícia