Facebook
  RSS
  Whatsapp

  20:00

Vereador agride colega após troca de ofensas verbais em Câmara Municipal

 

Uma briga entre dois vereadores suspendeu os trabalhos na Câmara Municipal de Lauro de Freitas, cidade da Região Metropolitana de Salvador, nesta quarta-feira (28). Loxa Lopes (PP) deu um tapa no colega Gabriel Bandarra, mais conhecido como Tenóbio (União Brasil), após trocarem agressões verbais.

Um vídeo do momento mostra quando Loxa, com o microfone na mão, diz: "eu quero que o senhor pare, diminua".

Não é possível compreender a resposta de Tenóbio, mas logo Loxa retoma a palavra: 

"Descarado é o senhor", rebate antes de dar um tapa na cabeça do colega. Outros vereadores logo se aproximam para conter os dois.

Procurado, o vereador Loxa admitiu que se excedeu e contou que também foi agredido com chutes, o que não foi captado pelas câmeras.

"Eu me excedi quando fui pra cima dele, mas foi uma atitude de homem", justificou.

Loxa conta que reagiu em defesa da presidente da Câmara, Naíde Brito (PT), que teria sido ofendida por Tenóbio.

"Não é a primeira vez que ele desrespeita uma mulher na casa", ressaltou Loxa.

Já Tenóbio se pronunciou por meio de uma transmissão ao vivo realizada mais cedo nas redes sociais. Ao longo do vídeo, o vereador disse que há tempos recebe agressões do grupo político de Loxa.

Ele conta que a briga desta quarta-feira ocorreu após ter feito uma indicação para que a prefeita Moema Gramacho (PT) comparecesse à sessão da Câmara. Segundo ele, a presidente da Casa, Naíde Brito, havia proibido os vereadores de questionarem a prefeita em uma sessão anterior.

"Eu disse que a presidente da Casa havia mentido de maneira descarada quando disse que os vereadores não poderiam ter falado naquela sessão anterior. (...) Por conta dessa minha fala, o vereador da base da prefeita ficou revoltado e disse que eu tinha chamado a vereadora de descarada, que era um absurdo, que ela era uma mulher honrada. E aí eu disse que eu não chamei ela de descarada, que descarado era ele e tantos outros vereadores ali. Quando eu disse isso, ele partiu pra cima de mim", descreveu a cena em entrevista à TV Bahia.

Tenóbio contou que registrou boletim de ocorrência contra o adversário político na 23ª Delegacia Territorial (DT/Lauro de Freitas). Loxa disse que fez o mesmo, já que relata ser alvo de ameaças por parte do colega.

Fonte: g1

Mais de Política