Curta a nossa página
 
10/05 19h53 2021 Você está aqui: Home / Saúde Bianca Viana Imprimir postagem

Prefeitura de Teresina cita 'imunização de rebanho' em novo decreto e gera polêmica

Procurado pelo G1, o presidente da Fundação Municipal de Saúde (FMS) de Teresina, Gilberto Albuquerque, não foi localizado para comentar sobre o assunto.

A Prefeitura de Teresina divulgou nesta segunda-feira (10) um novo decreto, desta vez, flexibilizando o funcionamento de bares e restaurantes até 23h, lojas podem funcionar 9 horas diárias e shopping centers abrem de 10h às 22h. As novas medidas entram em vigor nesta segunda-feira (10), no entanto, o decreto ainda não foi publicado no Diário Oficial.

Um dos motivos apontados no novo decreto da Prefeitura de Teresina sobre a flexibilização do comércio é a possibilidade do município atingir a “imunização de rebanho” devido ao avanço da campanha de vacinação contra a Covid-19. O argumento gerou polêmica, porque o termo já foi descartado pela Organização Mundial de Saúde (OMS).

Procurado, o presidente da Fundação Municipal de Saúde de Teresina (FMS), Gilberto Albuquerque, não foi localizado para comentar sobre o assunto.

Em janeiro deste ano, a entidade comunicou que o mundo não alcançará a imunidade de rebanho em 2021 pois, segundo a cientista-chefe da OMS, Soumya Swaminathan, o processo de aplicação de doses do imunizante “leva tempo”.

"Leva tempo para dimensionar a produção de doses — não só em milhões, mas aqui estamos falando de bilhões", disse ela, que pediu que as pessoas tivessem "um pouco de paciência", explicou.

 

VOCÊ SABE O QUE É A IMUNIDADE DE REBANHO?

A “imunidade de rebanho” faz referência a uma técnica de imunização em que uma determinada parcela da população se torna imune a uma doença, ou seja, desenvolvem anticorpos contra o agente causador da doença. As pessoas imunizadas acabam agindo como uma barreira, protegendo toda a população, mesmo aqueles que ainda não são imunes.

Decreto

As novas medidas da Prefeitura de Teresina entram em vigor nesta segunda-feira (10) e seguem em vigor até o dia 15 de maio. O decreto segue as determinações do Governo do Piauí para esta semana. Confira:

  • Funcionamento do comércio em geral por até nove horas diárias, desde que não ultrapasse às 20h;
  • Shoppings centers poderão funcionar de 10h às 22h;
  • Mercearias, mercadinhos, mercados, supermercados, hipermercados, padarias e produtos alimentícios até 23h;
  • Bares e restaurantes até 23h, sendo que do dia 10 ao dia 14, as apresentações ao vivo poderão acontecer até o fechamento do estabelecimento e, no dia 15 de maio, a música ao vivo só poderá ocorrer até às 20h;
  • No dia 16 de maio fica permitido o funcionamento do comércio em geral apenas no sistema delivery ou drive-thru.

De segunda a domingo, fica autorizado o funcionamento de templos, igrejas, centros espíritas e terreiros, com suas atividades religiosas presenciais com público limitado a 25% da sua capacidade, podendo haver no máximo três celebrações diárias, com duração máxima de duas horas, e com intervalos mínimos de duas horas entre as celebrações.

 


  Tags:

sem tags

Comentários

Atenção! Os comentários são de responsabilidade exclusiva de seus autores e não representam a opinião desta página, se achar algo que viole os termos de uso, denuncie.