Curta a nossa página
 
06/11 15h30 2020 Você está aqui: Home / Polícia Bianca Viana Imprimir postagem

Candidato a prefeito é acusado de ameaçar de morte o atual prefeito de Valença/PI

Por meio de áudios vazados o candidato a prefeito Marcelo Costa diz que vai matar o prefeito Venício do Ó.

O candidato a prefeito de Valença do Piauí, Marcelo Costa (Progressistas), da “Coligação Juntos Pela Mudança”, está sendo acusado de ameaçar de morte o prefeito de Pimenteiras, Venício do Ó, e a sua mãe, em conversa telefônica gravada pelo próprio gestor.

Venício também é vice-presidente estadual do PTB e coordenador de campanha da Coligação “Nasce uma Esperança”, em Valença do Piauí, onde sua esposa Carmelina do Ó é candidata a prefeita.

Venício do Ó registrou Boletim de Ocorrência na Delegacia de Polícia Civil de Valença do Piauí, relatando que ele e sua mãe foram caluniados, injuriados e ameaçados de morte, caso sua esposa seja eleita prefeita municipal.

Em áudios atribuídos a Marcelo Costa, em coversa telefônica com Venício do Ó, o candidato a prefeito de Valença diz que é capaz de algemar e torturar Venicio do Ó, e em seguida matá-lo.

“Tu pensa que eu não tenho estrutura pra um dia te pegar, te algemar e antes de te matar eu vou mandar tu dizer tudo isso, só pra você entender.(...) você pegou um doido, eu quero lhe mostrar pra você e pra Deus”, ameaçou.

Já em outro gravação, Marcelo Costa afirma que quem vai mandar é a família dele.

;“tu vai ver, se tu ganhar essa eleição minha… e eu honesto… (sic) moço, eu mando te matar não, minha família manda… num é segredo… tu é louco, cara, tu é louco".

Marcelo também diz que Venicio do Ó não conhece a sua quadrilha do Maranhão e de Alagoas e arremata:

“Se tu vê a minha quadrilha do Maranhão, Alagoas, cara, tu é louco, diz aí que vai ganhar essa eleição minha aqui”. Em outro áudio, Marcelo chega até a ameaçar a mãe de Venício. "Você vai ver quem é esse louco aqui, você não é capaz não, se não mando matar você e sua mãe", garantiu.

O boletim de ocorrência foi registrado ontem (05), por volta das 10h05min e o caso será investigado pela Policia Civil.


  Tags:

sem tags

Comentários

Atenção! Os comentários são de responsabilidade exclusiva de seus autores e não representam a opinião desta página, se achar algo que viole os termos de uso, denuncie.