Curta a nossa página
 
24/09 10h17 2020 Você está aqui: Home / Cidades Bianca Viana Imprimir postagem

PM usa a força após homem resistir à prisão no centro de Campo Maior

O homem gritava e chama a atenção das pessoas recusando subir na viatura e os policiais tiveram que usar a força para conseguir controlar o suspeito.

Na manhã desta quinta-feira (24), um homem identificado como Ricardo Augusto Lima Ferreira, 34 anos, foi preso após cometer pequenos furtos no centro de Campo Maior-PI.

Segundo informações de populares, o suspeito acabou sendo rendido por populares que começaram à agredi-lo. Para evitar o linchamento do homem, outras pessoas que estavam no local preferiram acionar a polícia.

Durante a prisão, o homem gritava e chamava a atenção das pessoas recusando subir na viatura, com isso os policiais tiveram que usar a força para conseguir controlar o elemento.

O incidente foi registrado por populares presentes durante toda a ação. O que mais chama a atenção é a forma como o suspeito é colocado na viatura. Nas imagens um popular, que segundo informações seria o padastro do suspeito, chega a discutir com um polícial pela ação.

Ao chegar na viatura, o suspeito é arremessado na caçamba e começa a gritar de dor. Uma pessoa aparece reclamando da abordagem. O policial não gosta e debocha: "Leva para tua casa, cria ele, está com pena de bandido". Em cima da viatura, o preso voltar a gritar: "Ai, meu braço".

Neste ocorrido, apenas o homem saiu com lesões na boca, que de acordo com informações, durante a briga com um dos populares teria perdido alguns dentes. Ricardo tem várias passagens pela polícia por furtos e roubos.

A Polícia Militar informou, em nota, que o vídeo foi encaminhado para análise na Corregedoria Geral da corporação, que tomará todas as providências legais cabíveis que o caso requer.

REPERCUSSÃO NACIONAL

O vídeo repercutiu nas grande mídias dividindo a opinião do público em relação a forma como os policiais agiram ao colocar o acusado na viatura. No programa do Jornalista Sikera Jr., o apresentador defende a ação dos políciais. O portal Uol tambem repercutiu a matéria.


  Tags:

sem tags

Comentários

Atenção! Os comentários são de responsabilidade exclusiva de seus autores e não representam a opinião desta página, se achar algo que viole os termos de uso, denuncie.