Curta a nossa página
 
10/06 10h24 2020 Você está aqui: Home / Sigefredo Pacheco Da Redação/Sigefredo Pacheco Imprimir postagem

Sigefredo Pacheco

Da Redação/Sigefredo Pacheco

campomaioremfoco@hotmail.com

Você está aqui: Home / Da Redação/Sigefredo Pacheco - com Sigefredo Pacheco

LACEN diz que paciente de Sigefredo Pacheco contraiu covid-19 antes de morrer; família contesta

Um jovem de Sigefredo Pacheco-PI morreu no último domingo, dia 07, no Hospital Regional de Campo Maior. Carlos Borges era morador do Assentamento Baixão dos Tucuns, que geograficamente pertence ao município de Sigefredo Pacheco, mas pela proximidade, os serviços básicos são buscados no município de Jatobá do Piauí.

Amigos, colegas de escolas e professores de Jatobá do Piauí, onde ele estudou, lamentaram a morte em seus perfis nas redes sociais, mas o rapaz já apresentava problemas de doença há um bom tempo e sua morte estaria ligado a um câncer e outras doenças. O rapaz já havia ficado internado quase um mês no Hospital Natan Portela em Teresina, e depois passou mais 16 dias internado.

CAUSAS DA MORTE E TESTE PARA A COVID

Nesta terça-feira, no entanto, a Secretaria Municipal de saúde de Sigefredo Pacheco informou que o Laboratório Central de Saúde Pública do Piauí – LACEN confirmou que o exame de sorologia para a convid-19 da vítima deu positivo. A família, no entanto, contesta que a causa da morte tenha sido coronavírus, haja vista que ele já vinha fazendo tratamento há um bom tempo e a doença se agravou nos últimos dias.

Segundo a nota, o Hospital Regional de Campo Maior informou que o paciente deu entrada na Unidade de Saúde na quinta-feira, dia 3, reclamando de um problema na garganta, que viria a ser um câncer, e foi internado no setor de Covid.

O rapaz era filho do primeiro paciente diagnosticado com Covid-19 em Sigefredo Pacheco. 

Nas redes sociais, muitos amigos questionam o fato do paciente ter sido colocado em ala de covid, sendo que chegou ao Hospital já sabendo que tinha outra doença já conhecida e que deixa o paciente com imunidade baixa.

O Em Foco fez contato com a direção do Hospital Regional de Campo Maior e falou com a diretora Celene Maria Moraes Fontenele. Ela disse que a admissão de pacientes em determinado setor do hospital é "ato médico" e ficou de falar com a direção clinica e retornar com as informações pedidas pela reportagem. 


  Tags:

sem tags

Comentários

Atenção! Os comentários são de responsabilidade exclusiva de seus autores e não representam a opinião desta página, se achar algo que viole os termos de uso, denuncie.