Curta a nossa página
 
05/10 15h37 2016 Você está aqui: Home / Cidades Por Weslley Paz Imprimir postagem

Grupo dos Félix sofreu a quarta derrota consecutiva em Campo Maior; RELEMBRE

Coleção de derrotas em Campo Maior pode colocar um ponto final no apogeu do grupo político em Campo Maior.

O resultado da eleição em Campo Maior onde o candidato João Félix perdeu a disputa pela prefeitura para o Professor Ribinha entra para a coleção de derrotas do grupo oposicionista no município. Os números do último domingo (02) continuam sendo analisados nos bastidores políticos.

 

Quando João Félix foi afastado por ser prefeito itinerante o grupo não tinha nenhum nome com condições de enfrentar o petista Paulo Martins. Vendo isto recorreram a médica Liége Cavalcante para disputar a eleição suplementar em 2011, mas o desgaste acabou afetando a candidata e o desempenho nas urnas não foi o esperado tendo Paulo Martins como vencedor.

 

Em 2013 ensaiaram lançar o bancário Antônio Sena, irmão do vereador Sena Rosa. O problema é que Antônio Sena não tinha cheiro de povo, muito menos simpatia e lhe faltava ginga política por ser iniciante na área. Como os resultados das pesquisas mostravam um cenário desfavorável, o grupo resolveu apoiar Dra. Liége novamente. Porem foi um período que João Félix havia retornado a prefeitura e voltou a cometer os mesmos erros, nepotismo, perseguição, atraso de salários, falta de repasse à previdência própria entre outros. O resultado não deu outro, Paulo Martins vence com uma maioria histórica.

 

Em 2014, nova derrota. Desta vez com o Deputado Antônio Félix. O grupo previa uma votação de pelo menos 8 mil votos em Campo Maior, mas quando abriram as urnas, o parlamentar teve menos do que 7 mil votos e ficou quase empatado com o estreante Aluísio Martins. Apesar de uma votação superior a alguns deputados eleitos, Antônio Félix acabou não se reelegendo e só assumiu a cadeira por conta de uma ajuda do Governador Wellington Dias. Apesar de fazer suas campanhas atacando o PT, Antônio exerce sua função na assembleia sem fazer nenhum tipo de agradecimento pela oportunidade que o Partido dos Trabalhadores está lhe dando.

 

Agora em 2016, foi a vez do próprio João Félix ser derrotado. Confiante e capitalizado ele enfrentou tudo e a todos para ser candidato mesmo lutando contra uma grande rejeição popular. Acreditava que seria fácil vencer o seu adversário porque tinha tradição politica e estrutura. Porém a voz das ruas foi cruel e deu uma votação esmagadora ao Professor Ribinha superando a marca dos 14 mil votos no município fazendo uma campanha franciscana, de pé no chão, dialogando com os segmentos e sem atacar o adversário.

 

Alem de todo esse cenário negativo para o grupo dos Félix, eles também amargam a derrota em várias cidades da região o que enfraquece ainda mais o deputado Antônio Félix, caso ainda sonhe em disputar uma nova eleição.


  Tags:

sem tags

Comentários

Atenção! Os comentários são de responsabilidade exclusiva de seus autores e não representam a opinião desta página, se achar algo que viole os termos de uso, denuncie.