Facebook
  RSS
  Whatsapp

  13:52

Motorista é preso com R$ 1 milhão em cocaína na BR 343 no PI; Saiba quem é

 Foto: reproduções

A Polícia Rodoviária Federal (PRF) apreendeu na tarde desta sexta-feira (14) quase 200 kg de cocaína dentro de isopores em um caminhão frigorífico que transportava carne de porco em Teresina. Conforme a polícia, foram exatamente 192,959 kg divididos em 186 tabletes. Neste sábado (15), a identificação do motorista foi obtida GP1. 

O caminhoneiro trata-se de Avelino Fogaça, de 48 anos, que confessou ter transportado o entorpecente da cidade de Cuiabá (MT) com o objetivo de chegar em Fortaleza (CE). Ele tornou-se alvo de inquérito da Polícia Federal, que investiga o crime.

Em seu depoimento, quando foi interrogado pela Polícia Federal, Avelino Fogaça confessou que teria efetuado as tratativas do transporte do entorpecente com uma pessoa que se identificou pelo apelido de “Neguim”. De acordo com o motorista, ele receberia R$ 25 mil para realizar o traslado.

Avelino Fogaça estava realizando o transporte de carnes do tipo suína, quando foi parado pela PRF e teve seu veículo revistado. Durante a fiscalização do compartimento de carga do veículo, foi constatada a presença de diversas caixas com a inscrição Excelência Carnes Suínas, tendo sido encontrada cinco caixas de isopor lacradas com fita adesiva, sendo os únicos objetos divergentes, o que chamou a atenção dos polícias.

Droga avaliada em R$ 1 milhão

A droga apreendida pela Polícia Rodoviária Federal no Piauí (PRF), durante a tarde dessa sexta-feira (14), está avaliada em cerca de R$ 1 milhão. Os policiais localizaram mais de 190 kg de pasta base e cocaína, que eram transportados no caminhão frigorífico abordado.

“Dentro do caminhão, havia o caminhoneiro com a sua esposa. Durante a abordagem, os policiais solicitaram documentação e, ao verificar a carga, notaram que se tratava de carne de porco. Era um caminhão frigorífico e havia umas caixas de isopor. O policial então abriu essas caixas e verificou vários tabletes de cocaína. Nesse momento, a esposa se desesperou. Ela não sabia do fato. Ele, já de pronto, confessou até para a esposa e para os policiais que estava transportando cocaína do Mato Grosso para Fortaleza. Ia receber uma grande quantidade em dinheiro por esse transporte. Ou seja, ele foi feito de mula”, informou o inspetor da PRF, Adel Barbosa.

Diante da quantidade de material encontrado, o caminhoneiro foi preso em flagrante e conduzido à Polícia Federal, onde foi feita a perícia e pesagem do material. Durante a diligência foi constatado que, ao todo, o veículo transportava 192,959 kg (cento e noventa e dois quilos e novecentos e cinquenta e nove gramas) de pasta base e cocaína, avaliados em quase R$ 1 milhão. Ainda conforme a corporação, será feito uma investigação para apontar se o produto tinha como destino final o tráfico internacional de drogas.

Cronologia dos fatos

Avelino Fogaça iniciou o transporte de carnes suínas na última terça-feira (11), saindo da cidade de Nova Mutum com destino à Fortaleza. Ainda no dia 11, Avelino chegou em Cuiabá, local onde as cinco caixas com cocaína foram colocadas. De acordo com seu depoimento, ele deixou o caminhão em um posto da cidade e foi de uber até a casa de seu irmão para pegar a sua esposa.

No estacionamento do posto, o caminhão foi abastecido com o entorpecente, algo que já havia sido combinado previamente entre Avelino e “Neguim”. Após cinco horas afastado do veículo, Avelino retornou com a sua esposa para o caminhão, não tendo comunicado em nenhum momento para ela que estava transportando entorpecentes, e saiu com destino à Fortaleza.

Ainda em seu depoimento, Avelino informou que “conforme havia sido acertado com ‘Neguim’, ele transportaria a substância entorpecente até a cidade de Fortaleza/CE, devendo estacionar seu veículo no Posto São Cristóvão, situado na BR 116, sendo que no local já teria pessoas esperando pela chegado de seu veículo”.

Avelino Fogaça também alegou que somente concordou em transportar a substância porque estava precisando de dinheiro. Por volta das 13h dessa sexta-feira (14), quando estava transitando na direção de Teresina a Altos, ele foi abordado por uma equipe da Polícia Rodoviária Federal, onde foi preso em flagrante.

Fonte: Gp1

Mais de Polícia