Facebook
  RSS
  Whatsapp

  18:43

Deputado Warton Lacerda denuncia gestão municipal de Altos (PI) por fechar 23 escolas na zona rural

 

O deputado estadual Warton Lacerda fez graves denúncias contra a gestão municipal de Altos (PI), durante uma entrevista. Segundo ele, o prefeito Maxwell da Mariínha fechou 23 escolas na zona rural do município, prejudicando alunos, distanciando os mesmos de suas comunidades, fazendo andar quilômetros em transportes inadequados e estradas precárias.

Os estudantes estão andando em ônibus em condições precárias sem acompanhamento devido para as crianças. Em sua fala ele citou cerca de 14 povoados/localidades na zona rural que estão com as escolas fechadas.

O QUE DIZ O PREFEITO 

O atual gestor do município também foi convidado para esclarecer a polêmica sobre as escolas fechadas, em seu esclarecimento sobre o assunto ele disse:

“Não trancamos escolas, fizemos contraturnos, as crianças que estudam pela manhã, pela tarde, estudam contraturno. O que é contraturno? Aulas de judô, balé, música, entre outras atividades. Até reforço escolar. O cecil era usado para isso e, se vocês pegarem as imagens das redes sociais da prefeitura, vocês vão ver que muito do espaço do cecil era utilizado para isso, mas por um motivo político, a gente teve que retirar de lá os alunos e levar para os pontos que a gente teve que alugar, mas continua sendo feito.”

FRAUDE DAS ESCOLAS

Recentemente, Maxwell da Mariínha foi denunciado por fraudar uma licitação milionária para reformar escolas municipais. O gestor teria contratado de maneira irregular a Construtora NAZA LTDA para reformas e ampliações em unidades escolares do município no valor aproximado de R$ 4 milhões de reais, recursos federais oriundos do FUNDEB.

Diante dos fatos, o promotor de justiça Maurício Gomes de Souza do Ministério Público abriu inquérito civil para investigar o caso. A denúncia dá conta que o valor gasto supera bastante o inicialmente licitado, além do limite da Lei de licitações e demais normas que tratam do tema, além da total ausência de relações de trabalhadores, medições, notas, processo cadastrado no SEI, dentre outras irregularidades que configuram fraude à licitação.

A empresa favorecida é a Construtora Naza Eireli, do ex-prefeito de Palmeirais, Reginaldo Junior. Prefeitura e empresa firmaram dois contratos para reformas e ampliação em unidades escolares, com valor aproximado de R$ 4.000.000,00 (quatro milhões de reais).

Mais de Altos - PI