12/12 22h02 2021 Você está aqui: Home / Assunção do Piauí Da Redação/Assunção do PI Imprimir postagem

Assunção do Piauí

Da Redação/Assunção do PI

campomaioremfoco@hotmail.com

Você está aqui: Home / Da Redação/Assunção do PI - com Assunção do Piauí

Assunção do Piauí completou 27 anos de emancipação sem festa por causa da Covid-19

A atração principal seria a banda Gatinha Manhosa

A cidade de Assunção do Piauí completou neste domingo (12), 27 anos de emancipação política.

Mas devido a crise sanitária decorrente da Covid-19, a gestão municipal cancelou as festividades referente ao aniversário da cidade, que teria como atração principal, a banda Gatinha Manhosa. 

O prefeito utilizou a imprensa local para desejar um excelente aniversário a cidade:

“Hoje é uma data importantíssima para a nossa querida cidade de Assunção do Piauí, tínhamos uma vasta programação especial que abrangia diversos eventos e com uma grande festa popular, porém, cancelamos, em virtude do decreto municipal, para o controle dos casos de Covid-19, que graças a Deus já estão em estabilidade. Aproveito a ocasião para parabenizar nossa cidade pelos seus 27 anos de emancipação política e, com o poder do nosso Deus , no próximo ano, haveremos de realizar uma grande comemoração de aniversário, parabéns Assunção do Piauí” – destacou o prefeito Netinho.

SEM FESTA NOVAMENTE 

Ano passado o prefeito havia lamentado pela não realização da tradicional festa devido a pandemia da Covid-19. "A nossa gestão, eu como prefeito, ficaria muito feliz em poder proporcionar ao povo de Assunção do Piauí , uma festa de comemoração, a altura da população assunçãoense, como de fato todos merecem, porém, infelizmente, estamos vivendo uma situação delicada, sendo que nos obriga a responsabilidade de não realizar esse evento, por medidas para proteção da saúde dos munícipes, como por exemplo: impedir aglomerações, são extremamente importantes para evitar mais contaminações pelo COVID- 19, e essa é a nossa maior preocupação e prioridades, neste momento” – disse o prefeito Netinho em nota no ano passado.

Esse ano as festas estavam liberadas dentro das medidas de proteção contra covid-19. Mas surgiu a proliferação da nova variante que segundo informações é mais contagiosa e resistente as vacinas. 

HISTÓRIA

A história do município se deu em 1925, quando o Governador do Estado, Matias Olímpio de Melo criou o Município de Aroazes. Ao novo município foram anexadas algumas fazendas do vale de São Nicolau, pertencentes ao Município de São Miguel do Tapuio. O município teve vida efêmera. João de Deus Pires Leal ( Joca Pires ) ao assumir o Governo do Estado, pela Lei n° 1.198, de 19 de junho de 1928, transferiu a sede do município de Aroazes para o povoado de Assunção. Teve papel importante nessa transferência, Antonio José Alves Vieira (Major Vieira), cearense, homem simples, de gestos grosseiros, sem influência política no Estado mas de grande prestigio junto ao Governador Joca Pires. Major Vieira, com propriedade de Assunção à Vitória.

Tinha um eleitorado fiel ao coronel Milu, de Castelo, que apoiou incondicionalmente Joca Pires. Por causa da campanha e sem dúvida, pelo seu caráter singular, Vieira conseguiu de tal modo a simpatia do governador que, entre outras coisas, tinha acesso ao seu Gabinete. Com esse prestigio conseguiu que Assunção passasse a ser sede de município em detrimento de Aroazes e mesmo sem as condições exigidas. Nomeado primeiro intendente. Julgado, por muitos, sem capacidade para a função, transformou uma residência em intendência, melhorou a arrecadação de impostos, criou o cartório, cujo primeiro tabelião, Cesídio Nelson Vieira, que continuou no cargo com a transferência da sede municipal para São Miguel.

FONTE: ASCOM PMA-PI/REDAÇÃO EM FOCO 

 


  Tags:

sem tags

Comentários

Atenção! Os comentários são de responsabilidade exclusiva de seus autores e não representam a opinião desta página, se achar algo que viole os termos de uso, denuncie.
lista mais

Artigos relacionados