Curta a nossa página
 
12/07 16h03 2019 Você está aqui: Home / Buriti dos Montes Buriti dos Montes Imprimir postagem

Buriti dos Montes

Buriti dos Montes

campomaioremfoco@hotmail.com

Você está aqui: Home / Buriti dos Montes - com Buriti dos Montes

Estrada que liga Buriti dos Montes ao Ceará está incluída nas obras do FINISA

Uma boa notícia para quem se desloca para o Ceará passando por Buriti dos Montes. O trecho está incluído no detalhamento das ações previstas nessa nova etapa de um contrato de financiamento entre o Governo do Estado do Piauí e a Caixa Econômica Federal.

O valor da obra de asfaltamento da cidade de Buriti dos Montes até a divisa com o Ceará, o que corresponde a 19 km, é de 3.441.000,02. A obra é uma reivindicação antiga da população. A informação foi repassada pelo assessor especial da SEGOV, João de Deus, que estará na cidade de Buriti dos Montes no próximo sábado, dia 13, as 09 horas da manhã.

O destravamento do Finisa I vai possibilitar a retomada de 158 projetos no Piauí, dentre eles esse trecho de ligação entre o Piauí e o Ceará e a estrada que liga São Miguel do Tapuio a Pimenteiras, a PI-120.

O Governo do Piauí esperou mais de um ano pela liberação dos recursos. Ao TRF, a Procuradoria Geral do Estado (PGE) alegou risco à ordem pública e à ordem econômica a demora na liberação do Finisa I. Segundo a Controladoria Geral do Estado do Piauí (CGE), o bloqueio do empréstimo causou um prejuízo financeiro aos cofres públicos na ordem de R$ 28.118.701, afetando direta e negativamente a vida de 2.921.253 piauienses, distribuídos em 158 municípios, e deixando de gerar cerca de 7.500 empregos diretos.

O TRF entendeu que ficou suficientemente demonstrada a possibilidade de liberação da segunda parcela do contrato de empréstimo, uma vez que a Caixa Econômica Federal, no dia 12 de abril de 2019, relatou que não remanescia mais pendência para a continuidade da execução do contrato de financiamento. Além disso, um acórdão do Tribunal de Contas da União (TCU) também sinalizou de forma positiva para a liberação dos recursos, sem falar na manifestação do Tribunal de Contas do Estado (TCE), que declarou inexistir até o presente momento nenhuma decisão determinando a suspensão de obras ou suspensão da liberação da segunda parcela dos recursos objeto do aludido contrato.


  Tags:

sem tags

Comentários

Atenção! Os comentários são de responsabilidade exclusiva de seus autores e não representam a opinião desta página, se achar algo que viole os termos de uso, denuncie.