Curta a nossa página
 
09/07 14h42 2018 Você está aqui: Home / São João da Serra SJ Serra Imprimir postagem

São João da Serra

SJ Serra

campomaioremfoco@hotmail.com

Você está aqui: Home / SJ Serra - com São João da Serra

NEPOTISMO: Família do prefeito de São João da Serra fatura mais de R$ 25 mil por mês

Filhos, irmã, sobrinha, primo e até o genro, esses são os mais capacitados para gerir as secretarias municipais de São João da Serra (a 135 km de Teresina), pelo menos na opinião do Prefeito Ananias André que os nomeou para os cargos configurando uma verdadeira farra de nepotismo. A cidade fica no território dos carnaubais.

No final do mês somente a família do Prefeito leva dos cofres públicos R$ 26,777,00 mil reais líquidos. Este é um dos mais emblemáticos casos de farra do nepotismo que ocorre em diversas prefeituras do Piauí onde o gestor aproveita a oportunidade dada pelo povo para favorecer apenas sua família desacreditando até mesmo na capacidade de outros munícipes.

Para quem não sabe, o nepotismo ocorre quando um agente público usa de sua posição de poder para nomear, contratar ou favorecer um ou mais parentes substituindo a avaliação de mérito daqueles que realmente possui preparo e experiência suficiente para exercer a função.

Mesmo com tantos escândalos e ações envolvendo casos semelhantes, o gestor não se intimidou e presenteou seus parentes com os cargos de secretários. A cidade possui 06 secretarias, mas apenas 05 funcionam de fato, pois a de Agricultura está servindo apenas para acomodar a filha de um aliado, segundo afirma um membro da oposição que conversou com o Em Foco.

Para a Secretaria de Assistência Social ele nomeou sua filha Antônia Nogueira de Sousa, para a Secretaria de Educação, sua irmã Arlene Fernandes de Sousa Cavalcante, na Saúde colocou o genro Joao Lima Rocha (casado com Antônia Sousa), na Secretaria de Obras empregou o filho, Antônio dos Santos Nogueira de Sousa (conhecido como Gordão), o Secretário de Administração e Finanças é o primo do prefeito, José Gil Vieira Paz e como assessora técnica do Gabinete do Prefeito ele colocou sua sobrinha Eva Rodrigues da Silva Mesquita, filha de seu irmão Zé André.

Acima foto de três dos secretários listados na matéria

A única secretaria que não é ocupada por um parente do Prefeito, é a de Agricultura que está sob o comando do ex-vereador Basílio Neto onde este indicou sua própria filha, Ana Virginia Morais Mendes que mora em Teresina e segundo informações obtidas pelo Em Foco não se tem conhecimento de ações dela no município. Os oposicionistas até batizaram de Secretária Fantasma. Quem desenvolve as ações da secretaria de fato seria o suplente de vereador conhecido como irmão Tetê.

OPOSIÇÃO TEME DENUNCIAR

O caso já foi denunciado pela oposição e inclusive foi tema de polêmica na Câmara de Vereadores, mas hoje poucos membros da oposição tem coragem de tocar no assunto devido as perseguições sofridas pelos denunciantes à época. Uma das pessoas que falou com o Em Foco disse que preza pela vida de seus filhos. “Aqui tem muita perseguição. Tenho medo que aconteça algo com meus filhos”, comentou o político que preferiu se manter em sigilo para não sofrer represálias.

Vereadora Maria Tomáz é advogada e falou que pretende denunciar o caso

A Vereador Maria Tomáz (PSDB) aceitou falar sobre o assunto. Ela acredita que a cidade possua pessoas preparadas para assumir as pastas sem ser parentes do Prefeito. “Acho um exagero, porque todas as secretarias são só familiares dele. Moralmente é muito feio”, lamentou a parlamentar informando que são apenas dois vereadores na oposição e teme ficar sozinha na trincheira combatendo os desmandos da gestão. Maria Tomáz confirmou a polêmica gerada sobre o assunto na tribuna da Câmara e que pretende fazer a denuncia aos órgãos fiscalizadores. “Nunca entramos com ação. Só fizemos denuncias na câmara, mas há sim a possibilidade de fazermos a denuncia”, disse.

NEPOTISMO É IMPROBIDADE

Apesar de não ser um ato criminoso, quando o nepotismo é praticado de forma intencional, como é o caso de São João da Serra, o Prefeito fica sujeito a uma ação civil pública por cometer improbidade administrativa (sendo que essa sim é um crime) pela prática de nepotismo.

 

OUTRO LADO

O prefeito Ananias André foi procurado para falar sobre o assunto, mas não foi localizado. O Em Foco preserva o direito ao contraditório ao gestor para que o mesmo possa emitir sua versão a cerca do fato abordado na matéria.


  Tags:

sem tags

Comentários

Atenção! Os comentários são de responsabilidade exclusiva de seus autores e não representam a opinião desta página, se achar algo que viole os termos de uso, denuncie.