Curta a nossa página
 
21/01 11h09 2020 Você está aqui: Home / Polícia Da Redação Imprimir postagem

Mulher é encontrada viva mais de 30 horas após acidente BR-316; três pessoas da mesma família morreram

Uma mulher identificada por Carmem Angélica da Silva Peixoto, de 61 anos, ficou quase 30 horas esperando por socorro, depois de acidente com o carro da família por volta das 20h30 de sábado (18/01), na BR-316, próximo à cidade de Picos, a 307 km de Teresina. Ela só foi encontrada na manhã dessa segunda-feira (20). Carmem foi a única sobrevivente de um capotamento de um carro modelo Volkswagen Amarok, cor preta, em que três pessoas da mesma família morreram.

Carmem é enfermeira e trabalha na Fundação Santa Casa de Misericórdia de Belém, capital do Pará.

As vítimas foram identificadas por Ney José, de 60 anos, esposo de Carmem; Julianne S. P, 29 anos, filha do casal; e Thais Frazão F. de 20 anos, sobrinha do casal. Segundo a PRF, J. S. teria ficado viva por cerca de 24 horas, após o acidente.

Conforme a Polícia Rodoviária Federal (PRF), a família estava se deslocando de Belém (PA) com destino à cidade de Maceió (AL) e iria passar a noite em um hotel na cidade de Picos. Familiares das vítimas ligaram para a polícia após saberem que as quatro pessoas não tinham dado entrada no hotel. Uma equipe da corporação começou as buscas e localizou o veículo nas proximidades do Povoado Ladeira de Fátima, Zona Rural de Picos, na manhã de segunda-feira.

De acordo com a perícia, as causas do acidente ainda não foram identificadas. A suspeita inicial é de que o condutor tenha perdido o controle do veículo e capotou.


  Tags:

sem tags

Comentários

Atenção! Os comentários são de responsabilidade exclusiva de seus autores e não representam a opinião desta página, se achar algo que viole os termos de uso, denuncie.
lista mais

Artigos relacionados